Libertado...


.. Posted by Hello

... finalmente pelo marxista-leninista-estalinista de Cuba, dois dias depois de o PCP regressar ao Sec XIX
Este mundo é cheio de contradições!

Viva a Liberdade!!

Hara-Kiri


"O caminho é para aqui..." por opção minha, decisão do PR e escolha do Povo. Posted by Hello

Está consumado!...
A imprensa reclamou a devolução do cadáver.
Criou-o, alimentou-o, assassinou-o e prepara-se para com festim lhe efectuar o enterro!

E o princípio de Peter não explica tudo!

É fácil manter-se em generalidades, criticando e conspirando... por isso se preparava metodicamente para ser candidadto a Belém.
Difícil é ter um projecto, decidir permenentemente, mobilizar um país em claríssima crise económica e anímica, alheando-se das críticas.
Aconteceu o inverso acreditando que silenciando os seus criadores teria o país ganho!

Até qualquer dia, Maria!!


Cumplicidades Posted by Hello

A blogoesfera ficou inesperadamente mais pobre. A Maria presenteou-nos a todos com mais um dos seus magníficos poemas... e disse até sempre!
Não será o último e voltaremos a ouvir (muito) falar dela e das suas palavras que nos beijam.
Irá crescer sobre as pedras que criou.
Obrigado!

Saudade


Luanda Posted by Hello


Persegue
o meu cheiro
com teu fino faro
de lembrança exata,
memória cheia
no gemer da noite.


Cristina Evelise

Pedido


Boa semana, amigos!! Posted by Hello

Have a Kit Kat?


.. Posted by Hello

Férias

Viva o descanso!!

Só me apetece a Racha, aqui

Ana


.. Posted by Hello



Ana-banana
gamela suada
o rosto de giz
curiosa de ouvido
boca e nariz
atrevida com a mão
o passo de andar tudo correndo
ana ao contrário tudo entendendo
remorso nenhum de me duvidar
ana e a razão de amuar-se
ana de instinto despindo o juízo
ana de fato e de muito riso
ana dormindo com anjo custódio
ana acordando manteiga com pão
ana domingo toda semana
ana brinquedo-de-chamar-ana
ana sonhando pueril furta-cor
ana pondo e dispondo mundo
a seu favor

ana mirim adriática origem
ana enfeitada baiana por mim
cintura e quadris de futura donzela
não séria e do amor
aprendiz.

Xénia Antunes

Quando o luar caiu


.. Posted by Hello

Quando o luar caiu
Quando o luar caiu e
tingiu de escuro os verdes da ilha
cheguei, mas tu já não eras.

Cheguei quando as sombras revelavam
os murmúrios do teu corpo
e não eras.
Cheguei para despojar de limites o teu nome.
Não eras.

As nuvens estão densas de ti
sustentam a tua ausência
recusam o ocaso do teu corpo
mas não eras.

Conceição Lima

Kinaxixi


Luanda, Kinaxixe (1996) Posted by Hello


Gostava de estar sentado
num banco do kinaxixi
às seis horas duma tarde muito quente
e ficar...
Alguém viria
talvez sentar-se
sentar-se ao meu lado
E veria as faces negras da gente
a subir a calçada
vagarosamente
exprimindo ausência no kimbundu mestiço
das conversas
Veria os passos fatigados
dos servos de pais também servos
buscando aqui amor ali glória
além uma embriagues em cada álcool
Nem felicidade nem ódio
Depois do sol posto
acenderiam as luzes
e eu
iria sem rumo
a pensar que a nossa vida é simples afinal
demasiado simples
para quem está cansado e precisa de marchar.


Agostinho Neto
(Sagrada esperança)

Quiproquó


Persistencia da memória, Dali Posted by Hello


Há uma torneira sempre a dar horas
há um relógio a pingar no lavabos
há um candelabro que morde na isca
há um descalabro de peixe no tecto

Há um boticário pronto para a guerra
há um soldado vendendo remédios
há um veneno (tão mau) que não mata
há um antídoto para o suicído de um poeta

Senhor, Senhor, que digo eu (?)
que ando vestido pelo avesso
e furto chapéu e roubo sapatos
e sigo descalço e vou descoberto.


Arménio Vieira

Cálice


O grito, E. Munch Posted by Hello


Pai... Afasta de mim esse cálice
Pai... Afasta de mim esse cálice
Pai... Afasta de mim esse cálice
De vinho tinto de sangue

Pai... Afasta de mim esse cálice
Pai... Afasta de mim esse cálice
Pai... Afasta de mim esse cálice
De vinho tinto de sangue


Como beber dessa bebida amarga
Tragar a dor, engolir a labuta
Mesmo calada a boca, resta o peito
Silêncio na cidade não se escuta


De que me vale ser filho da santa
Melhor seria ser filho da outra
Outra realidade menos morta
Tanta mentira, tanta força bruta


Pai... Afasta de mim esse cálice
Pai... Afasta de mim esse cálice
Pai... Afasta de mim esse cálice
De vinho tinto de sangue


Como é difícil acordar calado
Se na calada da noite eu me dano
Quero lançar um grito desumano
Que é uma maneira de ser escutado


Esse silêncio todo me atordoa
Atordoado eu permaneço atento
Na arquibancada pra qualquer momento
Ver emergir o monstro da lagoa


Pai... Afasta de mim esse cálice
Pai... Afasta de mim esse cálice
Pai... Afasta de mim esse cálice
De vinho tinto de sangue


De muito gorda a porca já não anda
De muito usada a faca já não corta
Como é difícil.. Pai ... abrir a porta
Essa palavra presa na garganta


Esse pileque homérico no mundo
De que adianta ter boa vontade
Mesmo calado o peito resta a cuca
Dos bêbados do centro da cidade


Pai... Afasta de mim esse cálice
Pai... Afasta de mim esse cálice
Pai... Afasta de mim esse cálice
De vinho tinto de sangue


Talvez o mundo não seja pequeno
Nem seja a vida um fato consumado
Quero inventar o meu próprio pecado
Quero morrer do meu próprio veneno


Quero perder de vez tua cabeça
Minha cabeça perder teu juízo
Quero cheirar fumaça de óleo diesel
Me embriagar até que alguém me esqueça...
Cálice....





Pensamento do dia


.. Posted by Hello

Amigos


.. Posted by Hello

Tenho amigos que não sabem o quanto são meus amigos.
Não percebem o amor que lhes devoto e a absoluta necessidade que tenho deles.

A amizade é um sentimento mais nobre do que o amor, eis que permite
que o objecto dela se divida em outros afectos, enquanto o amor tem
intrínseco o ciúme, que não admite a rivalidade.

E eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos
os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus
amigos! Até mesmo aqueles que não percebem o quanto são meus
amigos e o quanto minha vida depende de suas existências…

A alguns deles não procuro, basta-me saber que eles existem. Esta mera
condição me encoraja a seguir em frente pela vida.

Mas, porque não os procuro com assiduidade, não posso lhes dizer o
quanto gosto deles. Eles não iriam acreditar. Muitos deles estão lendo esta
crónica e não sabem que estão incluídos na sagrada relação de meus
amigos.

Mas é delicioso que eu saiba e sinta que os adoro, embora não declare e
não os procure. E às vezes, quando os procuro, noto que eles não tem
noção de como me são necessários, de como são indispensáveis ao meu
equilíbrio vital, porque eles fazem parte do mundo que eu, tremulamente,
construí e se tornaram alicerces do meu encanto pela vida.

Se um deles morrer, eu ficarei torto para um lado. Se todos eles
morrerem, eu desabo!

Por isso é que, sem que eles saibam, eu rezo pela vida deles. E me
envergonho, porque essa minha prece é, em síntese, dirigida ao meu bem
estar. Ela é, talvez, fruto do meu egoísmo.

Por vezes, mergulho em pensamentos sobre alguns deles. Quando viajo e
fico diante de lugares maravilhosos, cai-me alguma lágrima por não
estarem junto de mim, compartilhando daquele prazer…

Se alguma coisa me consome e me envelhece é que a roda furiosa da vida
não me permite ter sempre ao meu lado, morando comigo, andando
comigo, falando comigo, vivendo comigo, todos os meus amigos, e,
principalmente os que só desconfiam ou talvez nunca vão saber que são meus
amigos!

A gente não faz amigos, reconhece-os.

Vinícius de Moraes


Bom fim de semana para todos!!

PARA QUE SERVE UM MINUTO?


.. Posted by Hello

Um minuto serve para você sorrir:
Sorrir para o outro, para você e para a vida.
Um minuto serve para você ver o caminho,
olhar a flor, sentir o cheiro da flor,
sentir a grama molhada,
notar a transparência da água.

Basta um minuto para você avaliar a imensidão
do infinito, mesmo sem poder entendê-lo.
Em um minuto apenas você ouve o som
dos pássaros que não voltam mais.

Um minuto serve para você ouvir o silêncio,
ou começar uma canção.
É num minuto que você dará o sim que modificará sua vida... e basta.
Basta um minuto para você apertar a mão
de alguém e conquistar um novo amigo.
Em um minuto você pode sentir
a responsabilidade pesar em seus ombros:
a tristeza da derrota,
a amargura da incerteza,
o gelo da solidão,
a ansiedade da espera,
a marca da decepção
e a alegria da vitória...
Quanta vitória se decide num simples momento,
num simples minuto!

Num minuto você pode amar,
buscar, compartilhar, perdoar,
esperar, crer, vencer e ser...

Num simples minuto você pode salvar a sua vida...
Num pequeno minuto você pode incentivar
alguém ou desanimá-lo!

Basta um minuto para você recomeçar
a reconstrução de um lar ou de uma vida.

Basta um minuto de atenção para
você fazer feliz um filho,
um aluno, um professor, um semelhante...

Basta um minuto para você entender
que a eternidade é feita de minutos.

"Só hoje você pode ser feliz;
o amanhã não chegou e já é muito tarde para ser
feliz ontem...

(desconheço autor)
(por email)

As pérolas que se guardam!!


IRAQUE
Bush telefonou a Durão Barroso
O presidente norte-americano telefonou, esta quinta-feira, ao primeiro-ministro português. George W. Bush transmitiu a Durão Barroso os últimos desenvolvimentos da crise no Iraque. ( 19:34 / 06Mar )


Sexta-feira, 07/03/2003 às 21:55

AVISO
"QUEM CONVERSA COM O GUARDA-FREIO TORNA-SE MORALMENTE RESPONSÁVEL PELOS ACIDENTES QUE CAUSAR"

(CARRIS, distico antigo existente nos eléctricos)

...faça-se a transposição para a actualidade...seja o guarda-freio BUSH, seja Durão o passageiro inconveniente...TIREM-SE AS DEVIDAS ILAÇÕES!!!!

Memórias da Kitanda

Estórias...na história!!!!... Sábado, 18/01/2003 às 15:54

CONTA-SE QUE:

Um militar após o seu regresso do Ultramar ao ser integrado na nova unidade se viu confrontado com o facto de o seu trabalho ser:

MANHÃ - ler A Bola e outros jornais desportivos;
TARDE - estava dispensado de comparecer...

-Tendo estranhado o facto de todos os camaradas trabalharem de tarde e ele ser dispensado, achou uma injustiça e pediu explicações ao comandante...Este, com a maior calma possível, explicou-lhe que...estava dispensado de tarde porque os seus colegas coçavam os tomates...uma vez que ele os tinha perdido no Ultramar estava, por isso, dispensado!!!!...

Parece-me que dado o atavismo, a pachorra, a bonomia do povo português relativamente àquilo a que SALGUEIRO MAIA, em Santarém, horas antes do 25 de Abril, frente às suas tropas, designou como O ESTADO A QUE ISTO CHEGOU por oposição ao ESTADO DEMOCRÁTICO e ao ESTADO COMUNISTA...deveríamos também - NÓS O POVO - estar dispensados de trabalhar da PARTE DA TARDE!!!!...
TEMOS EFECTIVAMENTE AUSÊNCIA DOS DITOS CUJOS...
ATÉ QUANDO, NÃO SEI...
O QUE SE PASSA NESTE PAÍS É UMA VERGONHA!!!!...
QUERO VER QUEM IRÁ PAGAR E QUE ARGUMENTOS SE IRÃO ARRANJAR NO FUTURO PARA JUSTIFICAR O DESCALABRO...

(Comentário copiado da TSF, na data indicada)

Estranhamente, com quase 2 anos está cada vez mais actual!

Finalmente

" Já o líder parlamentar o PSD, Guilherme Silva, defendeu a constituição de uma nova entidade reguladora para a comunicação social, alegando que a Alta Autoridade «está totalmente desacreditada». "

F-I-N-A-L-M-E-N-T-E!!!...
Consegui concordar com ALGO que Guilherme Silva diz!!!

Efectivamente a AACS está altamente desacreditada!!!
Desde quando é necessário UM MÊS e ouvir DEZENAS de pessoas para chegar á conclusão a que QUALQUER MORTAL, sem cultura política chegou assim que ouviu Gomes da Silva (e outros) abrir a boca???

As águas


Ilha da Boavista Posted by Hello


A chuva regressou pela boca da noite
Da sua grande caminhada
Qual virgem prostituida
Lançou-se desesperada
Nos braços famintos
Das árvores ressequidas!

(Nos braços famintos das árvores
Que eram os braços famintos dos homens...)

Derramou-se sobre as chagas da terra
E pingou das frestas
Do chapéu roto dos desalmados casebres das ilhas
E escorreu do dorso descarnado dos montes!

Desceu pela noite a serenar
A louca, a vagabunda, a pérfida estrela do céu
Ate que ao olhar brando e calmo da manha
Num aceno farto de promessas
Ressurgiu a terra sarada
Ressumando a fartura e a vida!

Nos braços das árvores...
Nos braços dos homens...

Onésimo Silveira

Haicai


Shizuoka e o Monte Fuji Posted by Hello

ren ni itte
bijin ni naruru
tsubame kana

Tradução:
Entra pela cortina / E à linda moça se afeiçoa — / Uma andorinha

Ransetsu

Á amiga Mariza Takeda, flor de tão bonito jardim.

Mensagem

Siga tranquilamente entre a inquietude e a pressa,
lembrando-se que há sempre paz no silêncio.

Tanto quanto possível, sem se humilhar,
mantenha boas relações com todas as pessoas.

Fale a sua verdade mansa e claramente
e ouça a dos outros,
mesmo a dos insensatos e ignorantes,
pois eles também têm sua própria história.

Evite as pessoas escandalosas e agressivas.
Elas afligem o nosso espírito.
Se você se comparar com os outros,
tornar-se-á presunçoso e magoado,
pois haverá sempre alguém superior
e alguém inferior a você.

Você é filho do Universo, irmão das estrelas e árvores.
Você merece estar aqui, e mesmo sem você perceber,
a Terra e o Universo vão cumprir o seu destino.

Desfrute das suas realizações,
bem como dos seus planos.
Mantenha-se interessado em sua carreira,
ainda que humilde, pois ela é um ganho real
na fortuna cambiante do tempo.

Tenha cautela nos negócios,
pois o mundo está cheio de astúcias,
mas não se torne um céptico
porque a virtude sempre existirá.

Muita gente luta por altos ideais
e em toda a parte a vida está cheia de heroísmo.
Seja você mesmo, principalmente.

Não simule afeição.
Não seja descrente do amor,
porque mesmo diante de tanta aridez e tanto desencanto
ele é tão perene quanto a selva.

Aceite com carinho o conselho dos mais velhos
e seja compreensivo com os arroubos inovadores da juventude.

Alimente a força do espírito
que o protegerá no infortúnio inesperado,
mas não se desespere com perigos imaginários.
Muitos temores nascem do cansaço e da solidão,
e a despeito de uma disciplina rigorosa.

Seja gentil para consigo mesmo.
Portanto, esteja em paz com Deus
como quer que você o conceba
e quaisquer que sejam seus trabalhos
e as aspirações.

Na fatigante confusão da vida,
mantenha-se em paz com sua própria alma,
apesar de todas as falsidades, fadigas e desencantos.
O mundo ainda é bonito.
Seja prudente e faça tudo para ser feliz !

(Encontrado numa igreja, em Baltimore, nos Estados Unidos)
(por email)

Meditar


.. Posted by Hello

"A opressão nunca conseguiu suprimir nas pessoas o desejo de viver em liberdade".

Dalai Lama (Tenzin Gyatno), líder espiritual do budismo tibetano

O melhor bilongo


Um dos 10 melhores na categoria 'Melhor Inovação', na atribuição dos Prémios Internacionais de Blogs da Deutsche Welle - rádio pública da Alemanha. Posted by Hello

Sem outras palavras, perfeitamente desnecessárias, há que votar para escolher o melhor, aqui.

Parabéns... e votemos todos!

História

Entre o sonho que me tem
E as palavras necessárias,
O desespero e o desencanto
Nestes músculos que ponho
Na caneta
Das emoções várias,
Sempre ,em letra, aquém
Do que ficou pensando... Fugaz combate
Entre o desejar
E o ser ,bravio,
Sem fonte que mate
O desejo, e rio
Que me saiba nascer...
Irrealizado
Aqui deixo o esboço
Destas palavras,
Como o camponês
De que me queixo
com esforço
Nesta história:
Tanto no sonho fez e desfez
E tão pouco foi acabado!...


António Cardoso
(Nunca é velha a esperança)

Quem luta por sonhos... não morre!


Galeria de terroristas...


... para Romanos (Viriato), Leoneses (D Afonso Henriques), Espanhóis (D João IV), colonialismo espanhol (Bolivar, e poderia ser Montezuma), colonialismo britanico (G. Washington ou Gandhi), expansionismo americano (Geronimo), aparteid (Nelson Mandela), Salazar (Neto, Cabral e Machel...entre outros), comunistas chineses (Dalai Lama), ditadura militar birmanesa (Aung San Suu Kyi), Suharto (Xanana Gusmão), para Sharon e Bush (Yasser Arafat).

Não estão, e poderiam estar na foto, Galileo Galilei, Churchill, Roosevelt, Alexandre Soljenítsin, Gongunhana e tantos outros que lutaram até á exaustão pelos seus ideais.

O tempo e a história fazem sempre justiça aos grandes líderes históricos.

Posted by Hello

Ensaio de lágrimas


.. Posted by Hello

Se as nossas lágrimas
apagassem o ódio que nos cerca
e apagassem também o fogo que nos mata
mãe
eu pediria as lágrimas de todos
sangrando as pupilas.

Mas temo, mãe
que nos afoguemos um dia
dentro das nossas lágrimas.

Helder Muteia

Que pescoço, meu Deus!


.. Posted by Hello

Publicidade


In O Mundo Ri, nº. 132 de Maio de 1964 Posted by Hello

Muito bem... concordo!


Santana Lopes, por Bagão Felix

Para conferir aqui e ouvir aqui

Basta! É demais!

O homem aguenta muita desgraça, miséria, fome e repressão, até atingir um certo limite.
Até que um dia farta-se de aguentar, solta um grito subversivo «Basta! É demais!» e continua aguentando.

O Mundo Ri, nº. 114, Janeiro de1962

Longe

longe
muito longe
para além
da cinza destes dias
em terra de esquecimento
um jardim é órfão das suas flores
e
homens comem sombra

pela tua mão
pesado e lento
corre o sangue dos
deslembrados
roxo como rio
de pesadelo
por
planura de angústia
e capim seco

em terra de esquecimento
para além
da cinza destes dias
longe
muito longe


Arlindo Barbeitos

Poema

Na espuma verde
do mar
desenharei o teu nome,
Em cada areia
da praia
em cada pólen
da flor
em cada gota
do orvalho
o teu nome
deixarei gravado
No protesto calado
de cada homem ultrajado
em cada insulto
em cada folha caída
em cada boca faminta
hei de escrever
o teu nome
Nos seis férteis
das virgens
nos sorrisos perenes
das mães
nos dedos dos namorados
no embrião da semente
na luz irreal das estrelas
nos limites do tempo
hei de uma esperança semear.


António Mendes Cardoso

PORTUGAL

Ó Portugal, se fosses só três sílabas,
linda vista para o mar,
Minho verde, Algarve de cal,
jerico rapando o espinhaço da terra,
surdo e miudinho, moinho a braços com um vento
testarudo, mas embolado e, afinal, amigo,
se fosses só o sal, o sol, o sul,
o ladino pardal,
o manso boi coloquial,
a rechinante sardinha,
a desancada varina,
o plumitivo ladrilhado de lindos adjectivos,
a muda queixa amendoada duns olhos pestanítidos,
se fosses só a cegarrega do estio, dos estilos,
o ferrugento cão asmático das praias,
o grilo engaiolado, a grila no lábio,
o calendário na parede,
o emblema na lapela,
ó Portugal, se fosses só três sílabas
de plástico, que era mais barato!

***

Doceiras de Amarante, barristas de Barcelos,
rendeiras de Viana, toureiros da Golegã,
não há «papo-de-anjo» que seja o meu derriço,
galo que cante a cores na minha prateleira,
alvura arrendada para ó meu devaneio,
bandarilha que possa enfeitar-me o cachaço.

Portugal: questão que eu tenho comigo mesmo,
golpe até ao osso, fome sem entretém,
perdigueiro marrado e sem narizes, sem perdizes,
rocim engraxado,
feira cabisbaixa,
meu remorso,
meu remorso de todos nós...


Alexandre O' Neill

Infelizmente ganhou...


.. Posted by Hello

... e o pior é que os receios expressos no postongo de Mussele, no excelente Bazonga da Kilumba!, a avaliar pela foto, poderão ter fundamento!!

Para que conste, aqui ficam as razões para esta reeleição!!

Que ele e Bin Laden sejam muito felizes, um jamais sobreviveria sem o outro!

Meditar...

"Sempre que pensamos em mudar queremos tudo o mais rápido possível.
Não tenha pressa pois as pequenas mudanças são as que mais importam.
Por isso, não tenha medo de mudar lentamente, tenha medo de ficar parado".

(Provérbio Chinês)

Fizeram a gente acreditar


.. Posted by Hello

"Fizeram a gente acreditar que amor mesmo, amor pra valer, só
acontece uma vez, geralmente antes dos 30 anos. Não contaram
pra nós que amor não é acionado, nem chega com hora marcada.

Fizeram a gente acreditar que cada um de nós é a metade de
uma laranja, e que a vida só ganha sentido quando encontramos
a outra metade. Não contaram que já nascemos inteiros, que
ninguém em nossa vida merece carregar nas costas a
responsabilidade de completar o que nos falta: a gente cresce
através da gente mesmo. Se estivermos em boa companhia, é só
mais agradável.

Fizeram a gente acreditar numa fórmula chamada "dois em um":
duas pessoas pensando igual, agindo igual, que era isso que
funcionava. Não nos contaram que isso tem nome: anulação. Que
só sendo indivíduos com personalidade própria é que poderemos
ter uma relação saudável.

Fizeram a gente acreditar que casamento é obrigatório e que
desejos fora de hora devem ser reprimidos.

Fizeram a gente acreditar que os bonitos e magros são mais
amados, que os que transam pouco são caretas, que os que
transam muito não são confiáveis, e que sempre haverá um
chinelo velho para um pé torto. Só não disseram que existe
muito mais cabeça torta do que pé torto.

Fizeram a gente acreditar que só há uma fórmula de ser feliz,
a mesma para todos, e os que escapam dela estão condenados à
marginalidade. Não nos contaram que estas fórmulas dão
errado, frustram as pessoas, são alienantes, e que podemos
tentar outras alternativas.

Ah, também não contaram que ninguém vai contar isso tudo pra
gente. Cada um vai ter que descobrir sozinho. E aí, quando
você estiver muito apaixonado por você mesmo, vai poder ser
muito feliz e se apaixonar por alguém.

(por mail)
Desconheço o autor

Soneto da devoção


.. Posted by Hello

Essa mulher que se arremessa, fria
E lúbrica aos meus braços, e nos seios
Me arrebata e me beija e balbucia
Versos, votos de amor e nomes feios.

Essa mulher, flor de melancolia
Que se ri dos meus pálidos receios
A única entre todas a quem dei
Os carinhos que nunca a outra daria.

Essa mulher que a cada amor proclama
A miséria e a grandeza de quem ama
E guarda a marca dos meus dentes nela.

Essa mulher é um mundo! — uma cadela
Talvez... — mas na moldura de uma cama
Nunca mulher nenhuma foi tão bela!

Vinicius de Moraes