Longe

longe
muito longe
para além
da cinza destes dias
em terra de esquecimento
um jardim é órfão das suas flores
e
homens comem sombra

pela tua mão
pesado e lento
corre o sangue dos
deslembrados
roxo como rio
de pesadelo
por
planura de angústia
e capim seco

em terra de esquecimento
para além
da cinza destes dias
longe
muito longe


Arlindo Barbeitos
Etiquetas: , , | edit post
Reacções: