Quem


















Quem me fará sorrir
Quem me fará gritar
O grito calado do meu peito?!

O peito rejeita a alma
Angústia transborda e soma
No rosto surrado de dor

Quem me fará falar?
As palavras engolidas
No íntimo
Quando elas flutuam
Sem sentido no leito

Quem me fará pensar
Na consciência rasgada
Dos meus dias
Sem glória e sem luz

Escrevo nova história
Sorrisos e glória
Na tristeza de ontem
Nasci de novo
Sem passado




Maria Fernanda Baião
Etiquetas: , , | edit post
Reacções: