Pedra Negra Sobre Uma Pedra Branca

Image Hosted by ImageShack.us

Foto de Wilson Tsoi


Morrerei em Paris com aguaceiro
num dia do qual já tenho a lembrança.
Morrerei em Paris — e não me envergonho —
talvez numa quinta-feira, como hoje, de outono.

Quinta-feira será porque hoje, quinta-feira, quando proso
estes versos, meus úmeros ficaram
assim mal, e jamais como hoje, nunca me achei
com todo meu caminho, a ver-me tão só.

César Vallejo morreu, todos batiam
nele sem que ele lhes fizesse nada;
davam-lhe duro com um pau, e duro

também com uma corda — são testemunhas
os dias de quinta-feira, os ossos úmeros,
a solidão, a chuva, os caminhos.


César Vallejo
(Tradução de Marlene Andrade Martins)
Etiquetas: , , | edit post
Reacções: