Vade Retro, 2005…






O fim de 2004 tinha trazido o tsunami…a reeleição de Bush, não augurando, por isso, nada de bom…

2005 mostrou. isto…

200.000 mortos no sueste asiático.
Dezenas de milhares no Paquistão
Milhões a morrer de fome e de SIDA em África.
Atentados em Londres.
Cínicos actos de contrição pela Guerra do Iraque
Devastação, pobreza, desorganização e descriminação em New Orleans
Alterações climáticas de consequências devastadoras
Situações de exclusão e violência extremas no país da Liberdade. Igualdade e Fraternidade, antecedidas de incêndios em «prédios» de emigrantes que pareceram tudo menos… acidentais.
Europeus, sem abrigo, selvaticamente incinerados…
Emigrantes ilegais africanos tratados de forma ignóbil…

…e isto…

Governo ridículo ser substituído por outro autista
País calcinado…
País sem outra estatégia que não seja o combate ao défice
Justiça elevada á maior potência negativa possível
Descrença…
Autarquias governadas por… cromos, demagogos e populistas, para não usar outros adjectivos, dada a falta de julgamentos e de sentenças transitadas em julgado.
Arrastões inexistentes e participação da imprensa no embuste…
Xenofobia

…e se não bastasse…

ressurreição de sebastianismo presidencialista
que parece anteceder a ressurreição do unanimismo esclarecido
como forma de «poder ético, anti-partidário»…
vacina eanista, seráfica, militarista e vingativa onde os nostálgicos do império e dignidade perdidas se revêem…
injecção alucinogénea inoculada onde vacinas anteriores falharam.
Lusa ilusão!

…mas vimos…

dizer NÃO ao projecto de Europa ultra-liberal
Live Aid trazer uma ténue esperança a África.
O perdão da dívida aos países africanos…


Muito pouco para um ano que esteve longe de ser auspicioso e que, ao invés, arrastou-se ao longo de penosos 365 dias de muito poucas boas notícias.

Não deixa, por isso, saudades!

Que 2006 seja melhor!!
Para todos!
Julgo que não deve ser muito difícil!

Vade retro, 2005!

Viva 2006!
Etiquetas: | edit post
Reacções: