Permuta


















Olha: eu troco estas mãos vazias
pelo azul cintilante
feito filigrana
que circunda o mínimo de negro
nesses olhos de me olhar de amor.

Olha: eu troco estas mãos
de fazer poesia
de te cantar distante
pelo poema do teu olhar em mim.




Luiz de Aquino
in Meus poemas do Século XX

Etiquetas: , , | edit post
Reacções: 
1 Response
  1. Simplesmente lindo!
    Beijos, amigo!